12 setembro, 2006

No news, good news

É isso que uma amiga da minha mãe costuma me falar. Passei um carnaval na chácara dela, e quando saí de lá, perguntei:
-Tia, quer que eu ligue quando chegar em casa?
E ela:
-Não precisa. No news, good news.
O que não deixa de fazer sentido, já que notícia ruim chega rápido, mesmo.
Eu ando assim: no news. Não que eu tenha good news pra contar... na verdade, tudo anda na mesma. O trabalho vai mal, lutando pra conseguir algum dinheiro e pagar as contas. Os bolos deram uma acalmada, então preciso fazer algo pra conseguir mais encomendas.
Dia 22 eu embarco pra Porto Alegre, e só volto dia 2. E ontem descobri que dia primeiro de outubro será o primeiro turno das eleições 2006. Que droga, eu simplesmente não m e liguei disso quando marquei a passagem. Eu não me ligo em política, mas esse ano, nunca estive tão atenta ao que acontece no país. No meu jeito, claro. Continuo bastante alienada pros padrões familiares. E trocar a passagem fica inviável, monetariamente. As taxas são tão altas, que eu acabaria pagando outra passagem de ida e volta só pra acertar isso.
O que me coloca entre a cruz e a caldeirinha: ou mais um rombo no bolso, que já está tão furado que não sei bem onde caberia esse outro furo, ou mais 4 anos de merda econômica, e eu não dei a minha contribuição pra tentar mudar isso. Bom, de qualquer maneira, é prejuízo na certa... infelizmente, eu não acho que tenha alguém com bala na agulha pra derrotar o barbudo nojento (ele faz com que meu estômago dê voltas).
Tá vendo, como é melgor ficar no esquema no news, goos news? Evita reclamações...

6 Comments:

Blogger Beto Peron said...

cunha, não se desepere. ache alguem que esteja fora de casa no dia e que vote no sapo barbudo, então aí vc fica com a consciencia limpinha, pq o voto do PicareTa ia compensar o seu. Eu não perderia meu soninho com isso.... besos e aproveite em POA

7:26 PM  
Blogger LAURO said...

Olha, eu consigo imaginar uma série de bons motivos que justifique a tua ausência nas eleições deste ano. Estar em Porto Alegre é só uma delas.

8:13 PM  
Blogger Anunciação said...

Como diria a Roseana Sarney,não tem comparação.Porto Alegre com amor vale principalmente pq não vai adiantar nada o seu voto.E mesmo se adiantasse alguma coisa,que amor não vale a pena,principalmente em Porto Alegre,que não conheço pessoalmente mas adoro.Concordo cem por cento com o Lauro,mesmo sem nem "imaginar"as razões de que ele fala.Beijo.

1:03 PM  
Blogger Perifas said...

E justificar o voto? Nem pensar?

1:55 PM  
Blogger Jacqueline said...

Leve o seu título de eleitor, pra Porto alegre, chegando lá voce vai numa escola qualquer, e justifica.
É o que farei.
otima viagem

2:59 PM  
Anonymous Anônimo said...

Fica fria mulher eu já até me acostumei justificar o meu. Aproveite POA que é muito melhor. Bjs Nana

4:25 PM  

Postar um comentário

<< Home